imagem decorativa

Na sequência do campanha criada pela rede GEANT #CyberHeroAtHome, que assinada o Mês Europeu da Cibersegurança a Unidade FCCN partilha alguns conteúdos práticos sobre como garantir uma navegação segura. Nesta segunda semana, a proteção de dispositivos está em destaque .  

A cada semana, um novo tema estará em destaque. Sensibilização para a ameaça do cibercrime, e proteção da identidade serão alguns dos temas focados. Depois de, na primeira semana, a proteção de redes ter sido focada, é agora a vez do tema “Proteção de dispositivos”. 

Cibersegurança. A “melhor proteção possível”

É fácil constatar a importância que dispositivos como o smartphone ou o laptop adquiriram na vida contemporânea. Bastará que pensemos na quantidade de tarefas para que são utilizados: estudar, trabalhar, aceder a emails, fazer pagamentos, navegar em redes sociais, entre muitas outras atividades. 

Contudo, estes dispositivos são também um dos alvos preferidos dos cibercriminosos. Por isso, é importante deixá-los com a proteção mais forte possível. 

Recursos como um antivírus confiável podem, por exemplo, proteger contra vários tipos de malware (protegendo contra sites suspeitos, realizando análises periódicas ao sistema ou downloads e filtrando emails falsos). Atualizar o software do seu dispositivo com frequência é outra das boas-práticas.

cibersegurança

Conheça 4 dicas para aumentar a segurança dos seus dispositivos. 

#1 Instale um antivírus

O primeiro passo passa por instalar um antivírus em todos os seus dispositivos e realizar análises periódicas. Existem ferramentas gratuitas e pagas. Confira avaliações ou peça uma indicação confiável ao seu gestor de segurança.

#2 Atualize regularmente 

Mantenha todos os programas e o sistema operativo atualizados. Esta é uma forma de se proteger contra vulnerabilidades que vão sendo detectadas. Normalmente, o dispositivo realiza esses updates automaticamente, mas pode sempre iniciar uma atualização manual. 

#3 Proteja o seu dispositivo

Trate seus dispositivos móveis como trata a sua carteira! Não os deixe “espalhados” sem supervisão e apenas entregue em mãos a alguém em que tenha confiança. Bloqueie o ecrã sempre que não estiver a utilizar. 

#4 Tenha cuidado com downloads

Faça downloads de programas ou aplicações apenas a partir de fontes confiáveis como a App Store ou a Play Store. Confira sempre as avaliações e críticas de outros utilizadores, investigando possíveis vulnerabilidades. 

Visite o site da GÉANT para encontrar mais informações úteis! 

Se faz parte da rede RCTS, gerida para FCCN, conheça os serviços de segurança a que pode recorrer sem custos adicionais.

Outros artigos relacionados